Estudantes das escolas municipais aprovam cardápio da merenda escolar

Boas práticas de alimentação começam em casa e precisam fazer parte do dia a dia, em qualquer lugar, inclusive na escola. Por isso, a Prefeitura de Penedo investe na assistência aos estudantes que aprovam o cardápio da merenda escolar.

O ‘joinha’ da meninada é verificado no dia a dia, nos refeitórios das escolas da Secretaria Municipal de Educação (SEMED). Mas não basta o sorriso de satisfação e a barriguinha cheia.

Além do prato limpo e do estudante bem alimentado, a gestão Crescendo Com Seu Povo quer saber como está a aceitação do cardápio da merenda escolar, pesquisa minuciosa feita pelo setor de Nutrição da SEMED.

O teste de aceitabilidade acontece de forma regular, em diferentes unidades. Nesta quarta-feira, (06), a equipe trabalhou na Escola Municipal Costa Mangabeira, onde foi servido frango desfiado com pão, acompanhado de uma rodela de abacaxi.

“A gente está avaliando o cardápio atual pra saber como está a adesão e a aceitação, conversando com os estudantes e aplicando formulário”, explica Carla Sampaio, nutricionista da SEMED.

Dos 340 estudantes presentes na manhã de hoje na Escola Costa Mangabeira, 253 participaram do teste de aceitabilidade, com 95% de aprovação da receita avaliada pela primeira vez.

Na Escola Municipal Paulo VI, o prato oferecido foi sopa de inhame com carne bovina. Metade dos estudantes participou do teste de aceitabilidade, o que significa baixa adesão, mas quem comeu gostou, com aprovação alcançando índice de 92%.

Comprando da agricultura familiar como nunca se fez na história de Penedo, o governo Ronaldo Lopes coloca alimentos saudáveis na merenda escolar e assegura emprego e renda ao trabalhador rural de Penedo.

Publicidade