Orquestra de Tambores de Alagoas promove a ‘Oficina de atabaques – Ritmos bantu’

A Orquestra de Tambores de Alagoas, comandada pelo produtor cultural Wilson Santos, pesquisador da Cultura Popular e Afro-Brasileira, com apoio da Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas (Diteal) e da Secretaria de Cultura do Estado de Alagoas (Secult), estão promovendo a “Oficina de atabaques – Ritmos bantu”, que acontecerá ao longo de quatro sextas-feiras, começando no dia 22 de abril.

As aulas terão uma hora de duração, das 18h às 19h, na Sala de Música do Complexo Cultural Teatro Deodoro. Para participar do evento basta fazer a inscrição através do link https://forms.gle/wPaNgznCiSPZEPay9. Será cobrada uma taxa de R$ 140,00 pelas cinco aulas.

Segundo Wilson Santos, Ritmos Bantu têm origem africana, oriundos dos países situados abaixo da linha do Equador, que influenciaram pesadamente a cultura musical brasileira. “A oficina terá como objetivo ensinar os rudimentos dos ritmos: Ijexá, Cabula, Barra Vento e Samba de Roda de forma que os participantes aprendam os toques na prática, de maneira lúdica, em conjunto, incluindo cânticos e vocalizes das tradições de matriz africana de origem bantu”, explica o percussionista.

Na oficina, também será trabalhado um pouco de percussão corporal para melhorar a absorção e entendimento do conteúdo. Serão disponibilizados os instrumentos para as aulas. Elas serão conduzidas pelo próprio Wilson Santos, entre os dias 22 e 29 de abril, 06, 21 e 20 de maio.

Mais informações pelos telefones: (82) 98867-0982 ou (82) 98885-8250

Serviço:

O quê: “Oficina de atabaques – Ritmos bantu”

Data: 22 e 29 de abril, 06,21 e 20 de maio.

Horário: Das 18h às 19h

Local: Sala de Música – Complexo Cultural Teatro Deodoro – Teatro Deodoro, R. Barão de Maceió, s/n – Centro, Maceió – AL.

Publicidade