Judocas alagoanos vencem regional no Rio Grande do Norte

No final do mês de abril 75 judocas alagoanos representaram o Estado no Brasileiro Regional II que ocorreu no Rio Grande do Norte (RN). Dentre os 75 atletas de Alagoas, 23 deles conquistaram medalhas em diversas categorias. A Associação dos Faixas Pretas de Alagoas (AFPA) teve dois representantes medalhistas, o Carlos Roberto que foi vice-campeão na categoria Sub-13 meio leve e o Richard Augusto que alcançou o 3° lugar do pódio na categoria Sub-13 pesado.

Para o presidente da Associação dos Faixas Pretas e professor dos jovens atletas, Weydner Wellisson, os resultados foram muito bons e agora é investir mais nestes e em todos os atletas da associação que almejam o lugar mais alto do pódio. “Investiremos ainda mais nessa nova geração que busca maior visibilidade nas competições”, disse Wellisson.

Pan-Americano e Sul-Americano de Veteranos

E a partir da próxima quinta-feira (12) atletas de judô daqui de Alagoas irão participar do Campeonato Sul-Americano e Pan-Americano de Veteranos. Evento irá ocorrer em Lauro de Freitas (BA).

Os cinco atletas que irão representar alagoas são federados a FAJU e filiados a Associação dos Faixas Pretas do estado. Entre os atletas, estão: Weydner Wellisson na categoria M3 meio leve, Diego Henrique na categoria M2 leve, Carlos Roberto M2 médio, Gilson Fábio M5 meio leve e José Adilson M6 meio leve.

De acordo com Weydner Wellisson, todos os atletas estão treinando de forma mais intensa para as competições na Bahia. “Estávamos focados na busca pelo condicionamento físico e nas últimas semanas investimos em treinamento específico. Estamos com grande expectativa de trazer medalhas, pois temos em mente que o Brasil é uma grande portência no judô. Entretanto, temos os pés no chão e entendemos que os demais atletas dos outros países também buscarão o mesmo, a vitória”, explicou.

O atleta da Associação dos Faixas Pretas que assumiu a presidência da entidade no ano de 2021 aproveitou a oportunidade e agradeceu a Secretaria de Estado do Esporte, Lazer e Juventude (SELAJ) pelo apoio dado aos atletas que irão representar Alagoas na competição. “Este apoio é fundamental para os atletas e dá um estímulo a mais a equipe que estará no campeonato com a bandeira de Alagoas e do Brasil. Faremos o possível para estar no lugar mais alto do pódio e dar orgulho à nossa família, ao nosso estado e ao nosso país”, finalizou Weydner Wellisson.

Publicidade