Mutirão retira mais de 70 quilos de lixo da praia de Jacarecica

Cerca de 100 pessoas se reuniram na praia de Jacarecica para recolher resíduos descartados de forma irregular. A ação ocorreu no sábado (14) e teve o intuito de retirar da localidade materiais que agridem a natureza, na faixa de areia e restinga.

A iniciativa faz parte das atividades do Projeto TerraMar e foi organizada pelo Ministério do Meio Ambiente com o apoio da Prefeitura de Maceió, Associação Brasileira das Indústrias de Vidros, além do Coletivo Praia Limpa, do Instituto do Meio Ambiente de Alagoas e voluntários. A ação integra os esforços para a implementação do Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar.

Entre os materiais mais encontrados estavam plásticos de embalagens, garrafas PET e bitucas de cigarro. Ao fim da atividade, cerca de 74 quilos de lixo foram recolhidos e receberam a destinação final adequada.

O superintendente de Desenvolvimento Sustentável, Ronaldo Farias, afirmou que a ação se junta a outras iniciativas que são realizadas pelo órgão municipal para manter as praias limpas.

“Essa ação tem o objetivo de melhorar a qualidade do meio ambiente. Já realizamos diversas ações dessa na capital e pretendemos continuar, ainda mais tendo parceiros tão importantes ao nosso lado. O foco é promover a conscientização e mobilização da sociedade sobre a importância do combate ao lixo no mar e da gestão adequada dos resíduos sólidos em nossas cidades”, disse.

O secretário de qualidade ambiental do Ministério do Meio Ambiente, André França, explica como ações desse tipo podem ser positivas não só para a natureza, mas também para a sociedade.

“É uma ação muito importante, pois mobiliza as pessoas na liderança pelo exemplo. Então, são três grandes objetivos: a conscientização, para que as pessoas tenham uma conduta mais positiva nas praias; deixar a praia mais limpa e confortável para quem as visita e o terceiro é coletar mais informações para a Prefeitura”, afirmou.

O secretário agradeceu o apoio da Prefeitura de Maceió na execução do projeto.

“Agradeço a Prefeitura de Maceió por ter abraçado esse programa e contem com nosso apoio sempre, afinal, praia boa é praia limpa”, enfatizou.

O presidente executivo da ABIVIDRO, Lucien Belmonte, conta como foi a experiência de participar do mutirão de limpeza na praia de Jacarecica.

“Eu andei mais de duzentos metros de praia catando o plástico que encontrava. Quando eu voltava, já tinham mais resíduos nos locais que passei que eram arrastados pelo mar. É impressionante a quantidade de microplástico, como itens que pessoas usam para consumir bebidas, canudos. Não podemos permitir que nosso futuro seja dessa forma”, alegou.

Um dos voluntários que participou da atividade, Victor Carvalho, destacou que aproveitou o dia de folga para contribuir com o meio ambiente.

“É um dia de lazer e descanso que estamos aproveitando para realizar essa ação e temos bastante ajuda, pois são muitos voluntários trabalhando em prol da retirada desse lixo”, contou Victor.

Além da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial esteve presente, sendo representada pelo secretário adjunto Ismar Macário.

Outro órgão da Prefeitura que participou da ação foi a Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer, representada pela secretária Patrícia Mourão, que falou um pouco sobre a ação e outros projetos desenvolvidos pela pasta para aliar a preservação ambiental com o turismo.

“Ações como essa ligam o alerta da população e também dos nossos turistas sobre a importância da preservação das nossas praias e do meio ambiente como um todo. Estamos realizando um trabalho paralelo, em parceria com a Sudes, Semscs e vários empreendedores da orla, para promover ainda mais ações de conscientização e também de manutenção das nossas belezas naturais, principal atrativo do destino”, pontuou.

As informações geradas na ação de limpeza permitem avaliar e monitorar os tipos de materiais encontrados e identificar suas possíveis fontes e origens, de forma a orientar políticas públicas sobre a adequada destinação dos resíduos nas cidades.

Os resíduos descartáveis serão destinados à Cooperativa de Recicladores de Lixo Urbano (Cooplum) e, o restante, ao Aterro Sanitário de Maceió.

Publicidade