Piloto arapiraquense de 14 anos se classifica para o Brasileiro de Motocross

O jovem piloto arapiraquense José Gabriel Magalhães Silva, de apenas 14 anos, está entre os quinze pilotos selecionados para participar do Brasileiro de Motocross 2024 na classe IMS YZ125bLU cRU Cup, categoria da Yamaha Racing Brasil que visa formar atletas para o futuro do motocross.

A seletiva classificatória contou com a participação de 257 pilotos de vários países, onde foram pré-classificados os 50 melhores. A seleção do Top 15 ocorreu durante seletiva realizada na cidade paulista de Atibaia nos dias 26 e 27 de janeiro durante uma série de testes em diferentes tipos de pistas.

Na classificatória o brilho e o talento do jovem piloto arapiraquense fizeram toda a diferença, levando o nome de Arapiraca e de Alagoas para a elite do motocross brasileiro. Gabriel foi habilidoso e preciso em cada uma das manobras, que contaram com circuito de curvas com canaletas e depois foi só acelerar pela pista de motocross, onde o maior desafio foi o triplo de 32 metros e o grande salto de chegada. Além do desempenho na pista, os pilotos também foram avaliados pelo comportamento, parte técnica, velocidade, posicionamento, além do potencial de desenvolvimento de cada um.

A classificação carimbou a participação de Gabriel no Brasileiro de Motocross 2024, que será iniciado no próximo dia 16 de março na etapa de Sorocaba/SP. Ao todo serão seis etapas. O campeão terá a oportunidade de representar o Brasil no Campeonato Nações, com a possibilidade de integrar o time Yamaha Monsters Energy Geração, a equipe mais vencedora da atualidade em competições nacionais.

Único representante de Alagoas e do Nordeste entre os classificados, Gabriel Magalhães tem 14 anos e é natural de Arapiraca. Sua paixão por motocicletas tem a influência do pai e do tio, que sempre participaram de trilhas e corridas.

Em Arapiraca Gabriel tem uma rotina diária semelhante a de qualquer garoto de sua idade. Vai pra escola pela manhã e no restante do tempo curte os amigos, gosta de internet e vídeo game. Mas sempre reserva um horário para se preparar fisicamente, fazendo musculação, pedalando e treinando no que mais gosta: o motocross.

Fã incondicional de James Stewart, ex-piloto norte-americano de motocross, o jovem arapiraquense sonha em um dia poder disputar campeonatos envolvendo pilotos de motocross do mundo inteiro.

Publicidade